Aqui se fala do som dos estados do Norte do Brasil: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins

segunda-feira, 1 de maio de 2017

Galeria: Vida é Sonho - Renato Torres

Na quinta, 27 de abril, o cantor e compositor Renato Torres apresentou pela terceira vez seu show solo Vida é Sonho no SESC Boulevard (Belém). Por uma feliz coincidência, pude assistir todas as apresentações; publiquei aqui a resenha da estreia, em 2012, e da reapresentação, já no ano seguinte. Para esta volta do projeto - que mescla música e poesia e é classificado como solo porque antes dele Renato só se apresentava junto a bandas como a Clepsidra -, combinei com Renato uma nova abordagem, a fotográfica. Das 20 fotos que lhe enviei, e que ele postou em sua fan page no Facebook, selecionei estas 10 aqui para o blog. 


Renato inovou ao propor para o SESC o show em formato de arena,
que não fora usado nas apresentações anteriores


Na foto acima, aparece a banda que acompanhou praticamente o show todo: à esquerda, o baixista Rubens Stanislaw; ao fundo, à esquerda, o tecladista Rodrigo Ferreira; ao fundo, à direita, o percussionista João Paulo Pires; e à direita, o bandolinista Diego Xavier. Renato, ao violão, circulava por todo o palco e junto à plateia o tempo todo, constituindo um desafio para o registro fotográfico :)


 Esta foto eu postei ainda na noite da quinta no Instagram, 
e foi a única do lote que não teve edição alguma (precisava?:)





A flautista Dulci Cunha participou de "Manhã de Janeiro"
(Renato Torres - Edyr Gaya)


O máximo de interação foi este momento,  em que Renato 
se propôs a literalmente tocar o coração da plateia


Ao lado de Carol Magno... 


...Renato interpretou "Sim", uma das canções 
mais conhecidas do repertório deste show


Em "Boca de Luar", Renato reuniu dois ex-integrantes 
da banda que também se chamava Boca de Luar: 
a cantora Valéria Fagundes e o baixista Maurício Panzera


 Com Armando de Mendonça em
"Viração" (Renato Torres - Paulo Vieira)


Também participaram do espetáculo as cantoras Camila Honda e Lariza Xavier.


* Publicado originalmente no blog

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

Ye$t lança EP 1997

Há quase um ano, mais precisamente em 29 de março de 2016, conversamos com o rapper Ye$t, de Boa Vista, sobre seu single "Agora é o Fim" (com a participação da cantora Cinthia Sales), e antecipando alguns detalhes sobre o EP 1997, que ele estava gravando desde 2015. Leia o papo no Café com Tapioca nº 9 .

Pois bem, nesta quarta, 14, Ye$t voltou a entrar em contato conosco, informando em primeira mão o lançamento de 1997. O material tem quatro faixas inéditas, cada uma com um produtor diferente, e duas participações especiais - Jimmy MC, na faixa de abertura ("Pura Morfina") e Cínthia Sales, em "Agora é o Fim", a única faixa que já havia sido lançada oficialmente.