Aqui se fala do som dos estados do Norte do Brasil: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins

segunda-feira, 17 de março de 2014

Campanha do Carimbó fará ato em Belém para entrega da avaliação comunitária do Dossiê ao IPHAN

A Campanha do Carimbó reunirá em Belém nesta terça, dia 18, mestres e lideranças do carimbó de vários municípios paraenses para entregar ao IPHAN as considerações, recomendações e proposições dos grupos e comunidades carimbozeiras a respeito do dossiê da carimbó que foi colocado em consulta pública na internet, após solicitação feita pelas comunidades vinculadas à Campanha. 

O ato de entrega terá a participação de mestres e grupos vindos das regiões do Salgado, Bragantina, Metropolitana e do Marajó, além de ativistas e gestores culturais desses municípios.

O prazo estabelecido para a consulta pública pelo IPHAN encerra nesta mesma terça-feira, dia 18. Segundo o órgão, os resultados dessa consulta serão analisados pelos técnicos para que possam ou não ser incorporados ao texto do documento as correções e recomendações enviadas pelo movimento organizado dos carimbozeiros e pela sociedade em geral. Após esse processo o dossiê corrigido e atualizado será encaminhado ao Departamento do Patrimônio Imaterial em Brasília, para que possa ser avaliado pelos integrantes do Conselho Consultivo do Patrimônio, organismo que deverá decidir até junho sobre o registro e a titulação do carimbó como patrimônio imaterial nacional.

O documento a ser entregue ao IPHAN é o resultado de inúmeras reuniões e intensos debates realizados pela Campanha junto aos grupos de carimbó em diversas cidades das regiões do Salgado, Bragantina, Metropolitana e do Marajó desde janeiro deste ano, quando recebeu cópias do dossiê. Segundo o coordenador da Campanha do Carimbó, Isaac Loureiro, aconteceram reuniões envolvendo grupos de Salinas, Pirabas, Santarém Novo, Maracanã, Marapanim, Curuçá, Vigia, São Caetano, Colares, Irituia, Soure, Salvaterra, Cachoeira do Arari, Santa Cruz do Arari, Santa Bárbara do Pará, Ananindeua e Belém, entre outros.


Reunião com carimnbozeiros do Marajó, em Soure (foto Ana Amélia)


Reunião com mestres e grupos em Marapanim (foto por Max)


No início de março o movimento carimbozeiro realizou em Belém um grande encontro para reunir essas lideranças e avaliar o documento do IPHAN. Na reunião os mestres apontaram várias falhas no dossiê, questionando informações e conclusões da equipe de pesquisadores que formulou o mesmo. Agora esses questionamentos e recomendações serão repassadas ao órgão federal com a expectativa das comunidades envolvidas que o texto final elimine os erros e incorpore as contribuições de cada localidade. 

Encontro da Campanha em Belém para discutir o dossiê (foto por Cris Salgado)

Outra demanda a ser apresentada ao IPHAN é o acesso dos grupos e mestres ao vídeo-documentário sobre o carimbó que está sendo produzido desde 2010 e que até agora não foi apresentado às lideranças da Campanha. O documentário é considerado uma peça importante da documentação necessária para o registro do patrimônio imaterial, juntamente com o dossiê.


Serviço:
Ato da Campanha do Carimbó em Belém para entrega da avaliação comunitária do Dossiê ao IPHAN
Terça às 09:00
Prédio Anexo do IPHAN-PA, na Av. Governador José Malcher, esquina com a Trav. Benjamin Constant, Nazaré, Belém, PA


Informações: (91) 8263-9738 / 8722-9502
                       https://www.facebook.com/campanhadocarimbo 


- 16.3.14

Nenhum comentário:

Postar um comentário