Aqui se fala do som dos estados do Norte do Brasil: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins

quarta-feira, 22 de maio de 2013

Gaby Amarantos e João Donato representam o Norte no 24º Prêmio da Música Brasileira



A idéia do prêmio é ser o mais abrangente possível - a lista com os indicados deste ano no site do eventto recebeu texto de introdução que abre com as frases A lista com os indicados a 24ª edição do Prêmio da Musica Brasileira é um retrato da multiplicidade e profundidade da música brasileira. Artistas consagrados e iniciantes, dos quatro cantos do país, competem em 11 categorias, divididas em diversas outras subcategorias. Já a página sobre as inscrições para o ano que vem (sim, elas já estão abertas! Veja em http://www.premiodamusica.com.br/como-participar) abre com a seguinte frase: O Prêmio da Música Brasileira abre espaço para músicos de todos os estilos musicais e estados do país.

Porém, na prática, ocorre o que muitas vezes já comentamos aqui - são pouquíssimos os artistas do Norte que concorrem ao prêmio, assim como são escassos os nortistas contemplados em editais de financiamento de projetos aberto por entidades públicas ou privadas como o Itaú Cultural e a Petrobras. Já tratamos do tema diversas vezes aqui. Ao menos uma vez a Petrobras abriu publicamente as planilhas e provou que a menor presença de nortistas entre os contemplados provinha do fato de, em seus editais, o número de inscritos do Norte ser efetivamente menor que o de inscritos de outras regiões, em especial do Sudeste e do Nordeste. 

Este ano, há apenas dois representantes da Região Norte entre os indicados para o prêmio, nas seguintes categorias:

CANÇÃO POPULAR

Canção popular – cantora

Gaby Amarantos – Treme
Ivete Sangalo – Real Fantasia
Paula Fernandes – Meus Encantos

MELHOR CANÇÃO

Carta de Amor / Paulo Cesar Pinheiro / Maria Bethânia - Maria Bethânia - Oásis de Bethânia
Estou Triste /Caetano Veloso - Caetano Veloso – Abraçaço
Eu Não Sei Seu Nome Inteiro / João Bosco, João Donato e Francisco Bosco – João Bosco – 40 anos depois
Orixá de Frente /  Roque Ferreira - Mariene de Castro – Tabaroinha
Vive / Djavan – Djavan – Rua dos Amores

Enfim, as inscrições para o ano que vem já estão abertas, como linkamos acima. É hora dos artistas do Norte se mexerem e tratarem de se inscrever, para aos poucos reescrevermos esta história! 

O prêmio será entregue em 12 de junho, no Teatro Municipal (Rio de Janeiro). 

Nenhum comentário:

Postar um comentário