Aqui se fala do som dos estados do Norte do Brasil: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins

sábado, 27 de abril de 2013

Mapeamento 2013: Zulusa


51

Artista - Patricia Bastos
Cidade/ Estado - Macapá (AP)
CD
Número de faixas - 14
Gênero/ estilo - MPB
Data de lançamento - 31.3.13

Onde ouvir https://soundcloud.com/patriciabastosoficial

Onde comprarhttp://www.tratore.com.br/um_cd.php?id=2100

Quinto CD da cantora amapaense, uma das principais vozes do Norte do país. Gravado entre São Paulo, Belém e Macapá. Neste disco, o processo de gravação foi invertido, partindo-se da percussão do Trio Manari, presente em 12 das 14 faixas (exceto a gaúcha "Miss Tempestade", de Vitor Ramil e Ricardo Corona, e a carioca "Ribeirinho", de Guinga e Paulo César Pinheiro), dando uma excelente unidade rítmica ao disco. O nome "Zulusa" remete à miscigenação entre africanos ("zulus") e portugueses ("lusos") que são a base da população do Amapá, junto com os indígenas. Com efeito, boa parte do CD gira em torno de temas zulusos, como os cultos afro em "Linha Cruzada", uma paixão indígena em "Incantu", a Festa do Divino em "No Laguinho"... O CD tem participação de Felipe Cordeiro em "Mais Uma" (sua primeira composição gravada após o lançamento do CD Kitsch Pop Cult, de 2011) e Marcelo Pretto (poema em "Rodopiado" e contra-canto em "O Batuque"). O disco tem pelo menos três regravações: "Miss Tempestade" foi gravado pelo co-autor Ricardo Corona em 2001; "Mal de Amor" foi lançado em 1998 por Emília Monteiro, que a regravou no recente CD Cheia de Graça, e também faz parte do disco Sou Ana, de Ana Martel, lançado em 2009; e "O Batuque" encerra o CD Tambores do Meio do Mundo, do Grupo Senzalas, de 2011. 


Nenhum comentário:

Postar um comentário