Aqui se fala do som dos estados do Norte do Brasil: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins

terça-feira, 12 de março de 2013

Foi Show: Luê no Theatro da Paz

por Raissa Lennon,
de Belém

Foto: Thiago Araújo

Foi com “A Fim de Onda”, música que dá nome a seu primeiro CD oficial, que a cantora Luê começou seu show deste sábado, 9, no Theatro da Paz (Belém). O show de lançamento do disco teve direção musical de Felipe Cordeiro e Betão Aguiar.

Além das canções do disco, como “Onde Andará Você” e “Sei Lá”, houve espaço para interpretações de “Lua Namoradeira”, de Dona Onete, e “Namoradinha de um amigo meu”, de Roberto Carlos. Luê também surpreendeu o público com homenagens à cantora francesa Edith Piaf, Reginaldo Rossi e o paraense Manoel Cordeiro.

- Essa mistura de sons veio de uma maneira muito natural. Tudo que eu toquei e interpretei são coisas que eu gosto muito, como a Edith Piaf que eu sou fã e resolvi homenagear neste show - explicou a cantora.

Do clássico à música popular brasileira, a artista fez uma leitura peculiar de cada ritmo que a influenciou como a guitarrada, o rock, o zouk, passando pelo soul e o universo pop. Ao final do show, Luê também agitou a plateia com sucessos do carimbó. Durante a apresentação a artista cantou e tocou rabeca. Pareceu à vontade no palco e por muitas vezes emocionada:  


- Sabe um sonho que se realiza? É hoje. Obrigada a todos que estão aqui

Ela conta que o Theatro da Paz é um lugar importante para sua carreira:

- Foi neste teatro que eu fiz minha primeira apresentação com a Orquestra em que eu fazia parte. E o show foi lindo, estou muito feliz, ocorreu tudo como o planejado.

Para acompanhá-la, a cantora contou com a participação dos músicos Felipe Cordeiro e Caetano Malta (guitarras), Klaus Sena (baixo), Artur Kunz (bateria) e Da Lua (percussão). 

Luê (ao lado em foto de Bruno Carachestifez questão de começar sua turnê por Belém, onde sua carreira começou. O próximo show será no Rio de Janeiro, em 20 de março; a turnê inclui ainda São Paulo e Salvador. 

Disco

 A Fim de Onda é o primeiro CD oficial da carreira da artista Luê. O disco possui dez faixas e contou com participações de seu pai Junior Soares, do grupo Arraial do Pavulagem, na faixa “Nós Dois”, e também do convidado Edgar Scandurra na canção “Prática”. O álbum e a turnê, com quatro apresentações no Brasil, fazem parte do programa Natura Musical, patrocinado pela Natura, através da Lei Semear.

Cantora, compositora e instrumentista, Luê tem formação clássica em violino, pelo Conservatório Carlos Gomes. Fez parte da Orquestra Sinfônica da Escola de Música da UFPA (OSUFPA) e integrou o Grupo Camerístico Quorum. Também já fez diversas participações nos shows do Arraial do Pavulagem. Participou também do projeto Terruá Pará, um show composto por vários artistas paraenses e apresentado em 2011 e 2012 em São Paulo e Belém (no ano retrasado, incluiu ainda cidades do interior do Pará). 

Felipe Cordeiro, que também participou na produção do show, ao lado de Betão Aguiar, comentou que conheceu o trabalho de Luê no Terruá Pará: "Acho que ela é uma excelente artista, está sendo muito tranquilo trabalhar com ela. O show foi ótimo”.






Nenhum comentário:

Postar um comentário