Aqui se fala do som dos estados do Norte do Brasil: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins

sexta-feira, 19 de outubro de 2012

Homenagem à Batucada do Bloco Canalha

Não sou poeta, mas já cometi algumas poesias na vida. Algumas preservadas nos livros de contos que publiquei ainda em Bento Gonçalves (RS) - Zás-Trás-Puf (1985) e A Garota no Bar (1990) -, outras dispersas em jornais de lá nos quais colaborei por essa mesma época. Um dos últimos que me lembro de ter escrito foi "25 Anos de Festivais", em 1990 - a referência temporal era o Festival da Música Brasileira, que a TV Excelsior promovera em 1965, vencido por Elis Regina com "Arrastão" (Edu Lobo - Vinicius de Moraes). Leia o poema no site Brasileirinho (http://www.brasileirinho.mus.br/artigos/festivais.html).

Bueno, então como notam foi totalmente inesperado até para mim mesmo ter surgido em minha mente nesta manhã versos sobre a Batucada do Bloco Canalha, que para noooosssa alegria volta a acontecer nesta sexta, a partir das 19h, aqui em Belém. As outras informações de serviço constam do próprio poema, que dedico a todos os que fazem a Batucada e aos que ajudam a manter acesa a chama da cultura popular nesta cidade de Santa Maria de Belém do Grão-Pará!


Samba (Di Cavalcanti), obra desaparecida 
em recente incêndio


Sexta sim, sexta não,
O esquema não falha,
É garantida a diversão
na Batucada do Coletivo Canalha

Vem menina,
Bora rapaz,
A batucada é ao lado
do Theatro da Paz

Curte choro e samba? Então
Outro programa não marque
A batucada rola vizinha
Ao Bar do Parque

A batucada é democrática,
Te dou esse toque
Não é só samba e choro, na prática
Já teve boi, carimbó e até rock!

Pára com tua graça e vem logo
Curtir o som deste Bloco!
Não pagas nada para ouvir um som que é puro mel
Mas agradecemos se depositares no chapéu!


* Publicado originalmente na página do evento no Facebook -

3 comentários: