Aqui se fala do som dos estados do Norte do Brasil: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins

quinta-feira, 25 de março de 2010

Agenda Belém: Homenagem a Waldemar Henrique

Por Agência Pará*

No dia 27 de março de 1995, morria o maior nome da música paraense, Waldemar Henrique, uma perda irreparável para a cultura do estado. Para lembrar do grande maestro, que uniu a música erudita com o popular, é que o governo do Pará, por meio da Secretaria de Estado de Cultura, realiza a programação "Memórias de Waldemar Henrique". Em destaque uma exposição do acervo de Waldemar, além do lançamento de um DVD-ROM comemorativo, com a vida e obra do músico.

A pesquisa e o tratamento das peças do acervo acontecem desde 2005, quando foram envolvidas as várias coordenações do Sistema de Museus assim como pesquisadores e técnicos contratados para o tratamento das peças do acervo.

Segundo Renata Maués, Diretora do SIM/Secult, com a aquisição do acervo do Maestro Waldemar Henrique foram definidos todos os procedimentos necessários para garantir a integridade da coleção e possibilitar o acesso aos pesquisadores, professores, estudantes e a comunidade em geral. "Essa ação de salvaguarda e preservação envolve várias etapas e procedimentos como documentação, registro, catalogação, inventário e também ações que intervêm diretamente no objeto com medidas de tratamento e restauro, assim como também por meio de ações educativas configurando as pontes entre os museus e a sociedade", afirma ela.

A coleção Waldemar Henrique é composta por objetos pessoais, cadernos de música, correspondências, recortes de jornais, diários, partituras entre outros, que apresenta um grande valor histórico e cultural para o povo paraense.

O tratamento foi pautado em critérios técnicos, objetivando a preservação da coleção, o resultado dessas ações, e configura-se na execução de um DVD-rom proporcionando a difusão da Coleção do Maestro Waldemar Henrique, grande artista paraense e um dos mais importantes compositores brasileiros que inspirou gerações de músicos no Pará e em todo o Brasil.

Para a coordenadora Laurenir Peniche, o projeto é importantíssimo, pois nunca anteriormente no estado houve um processamento tão apurado de uma coleção de um único artista, que hoje vem a público divulgar sua memória. O DVD-rom é um importante objeto de acessibilidade que levará a um público diverso, informações de qualidade como: músicas, fotos, partituras que serão distribuídas gratuitamente para escolas e entidades cuturais cumprindo uma nova política de acessibilidade aos bens culturais materiais e imateriais um dos grandes desafios dos museus em todo o país.

O Maestro - Waldemar Henrique da Costa Pereira nasceu em Belém no dia 15 de fevereiro de 1905. Pianista e Compositor, estudou no conservatório Carlos Gomes e piano, composição e regência no Rio de Janeiro. A partir daí utilizou temas amazônicos nas suas composições, unindo o erudito ao popular e se apresentando no Brasil e em vários países, como Portugal e Espanha. Dirigiu o Theatro da Paz, o Departamento de Cultura do Rio de Janeiro e em 1981 foi eleito para a Academia Brasileira de Música. Compôs mais de 120 canções, entre as famosas "Boi-Bumbá", "Curupira", "Matintaperera", "Tamba-Tajá" e o "Uirapuru". Morreu no dia 27 de março de 1995.

Programação "Memórias de Waldemar Henrique":

27/03- Lançamento do DVD-rom "Coleção Waldemar Henrique"
Abertura da Exposição "Memórias de Waldemar"
Local: Galeria Fidanza-Museu de Arte Sacra.
Horário: 19h

28/03-Recital de Música Paraense "Para Waldemar Henrique"
Duo Câmera Amazônia- Edelmiro Soares-Tenor
Urubatan Castro-Piano
Coral Vozes da Amazônia - Regência - Maria Antonia Gimenez
Duo Pianístico da UFPa- Eliana Cutrim
Lenora Brito
Duo Carlos Gomes- Dione Colares - Soprano
Ana Maria Adade- Piano
Local: Igreja de Santo Alexandre.
Horário: 19h

29/03- Exibição Especial de Documentário sobre Waldemar Henrique.
Mesa de Debates - Lenora Brito - Sebastião Godinho - Renata Maués
Mediação: Laurenir Peniche
Local: Igreja de Santo Alexandre.
Horário: 19h

* Publicado originalmente no site da Agência Pará

Nenhum comentário:

Postar um comentário