Aqui se fala do som dos estados do Norte do Brasil: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins

domingo, 17 de janeiro de 2010

Diz Aí Especial: Jubah

Nete domingo, um presente para todos nós: um Diz Aí especial com o músico Jubah, baixista, ex-integrante da AltF4 e principalmente o autor de "Lembranças de Um Dia", a grande vencedora da Música do Ano, que obteve mais de um terço dos votos na enquete que promovemos em dezembro. Ele respondeu nossas perguntas na quinta, 14 de janeiro, por e-mail, direto de Recife, onde mora hoje.

Som do Norte - Jubah, você foi um dos fundadores da banda AltF4, sendo o baixista até o começo de 2009. Queria que você falasse desse começo; antes de entrar na Alt você já tocava baixo?

Jubah - Esse sonho começou na época de escola ainda, através de um trabalho que tivemos que fazer. No inicio ninguém sabia tocar nada, eu inclusive, mas a busca pelo sonho sempre foi grande e então comecei aprender o contrabaixo, violão, guitarra e assim foi. Acho o som grave, desse instrumento, fundamental, maravilhoso e essencial em um conjunto.

Som do Norte - Em Pernambuco, você segue trabalhando com música?  

Jubah Sim! Considero-me um amante da música. Não deixei de compor e de tocar meu violão. Estou formando uma banda por aqui, que irá se chamar Ponto Final. Já estou com algumas músicas prontas e gravadas de forma caseira, mais adiante o trabalho poderá ser conferido por aí, mas por enquanto estamos em fase de criação, além do que faltam alguns integrantes.


No Grito Rock Boa Vista, 2008
(Foto: Maria Carolina)

Som do Norte - O pessoal da Alt ressaltou na entrevista que publicamos dia 6 que, mesmo distante, você segue sendo um grande parceiro. Inclusive esse é o tema da música "Não Tem Preço", que você compôs com o Betinho Bantim, justamente o baixista que entrou em seu lugar na banda. E você fez umas canjas com a galera quando voltou a Boa Vista nas férias de julho do ano passado.

Jubah Com certeza, essa parceria continua. Considero esses “muleques” meus irmãos e mesmo estando longe não deixo de ajudar. Essa música “Não Tem Preço” foi inspirada na minha saída. Relembrei todos os momentos que já vivi com essa “molecada foda”! Pois minha saída da banda e da cidade foi uma aceitação muito difícil, deixei grandes amigos lá. Minhas férias de julho do ano passado não poderiam ter sido melhores. Toquei com eles mesmo sem a presença do guitarrista, e grande amigo meu Bento Filho. Mas foi bem divertido à beça e prazeroso sentir aquela “vibe” que é característica da banda AltF4.


No primeiro Festival TomaRRock, em 2008

Som do Norte - Bom, agora é o momento de sabermos tudo sobre a grande vencedora da Música do Ano. Você compôs "Lembranças de um Dia" ainda morando em Boa Vista?

Jubah Assim que saí de Boa Vista, fui passar minhas férias em Fortaleza. Lá fiz o “esboço” da música, mas de imediato não dei muita importância e parei por fazê-la lá mesmo. Quando cheguei em Recife recordei um pouco da letra e resolvi fazer o restante da criação. O curioso é que eu sempre tive em mente o refrão dessa música. Até tentei colocá-la em várias letras que já fiz, mas em nenhuma se encaixou, e nessa caiu perfeitamente. Acho um refrão pegajoso e fácil de ser decorado. 

Som do Norte - Das duas versões que a música tem, a acústica com Netuh, e a elétrica que estará no DVD da Alt, tem alguma que você prefira?

Jubah Eu particularmente prefiro a versão elétrica, mas não posso deixar de dizer que a acústica também está muito boa, até porque o Netuh, meu parceiraço e irmão, é um grande músico e tem um futuro próspero pela frente. 

Som do Norte - O que achou quando soube que a canção concorria a Música do Ano? O que esta vitória representa para você?

Jubah - Fiquei feliz quando soube que a canção concorria a Música do Ano, não esperava essa repercussão toda. Fico muito agradecido, me sinto feliz e honrado por tantos votos na música. Essa vitória representa pra mim muita coisa: representa que é um começo de uma longa caminhada que a AltF4 ainda há de encarar pela frente, e essa vitória é NOSSA! Fico feliz por ajudá-los, pois espero um dia, novamente voltar a ser membro fixo da banda. Escreve aí! Parabéns ao blog, ao Fabio Gomes que é um grande incentivador da AltF4, por tudo que já fizeste pelos “muleques”. Muito obrigado e segue o Rock porraaa! Abraaaaaços! :D

2 comentários:

  1. Boa sorte ao Jubah na nova banda.
    Parabéns por todas as suas conquistas.
    E sucesso também pra AltF4!

    ResponderExcluir
  2. parabéns ao Jubah e à grande música!
    esse cara é uma ótima pessoa e um ótimo músico!
    - PauloFilho

    ResponderExcluir