Aqui se fala do som dos estados do Norte do Brasil: Acre, Amapá, Amazonas, Pará, Rondônia, Roraima e Tocantins

sexta-feira, 7 de agosto de 2009

Música do Dia: À Sua Maneira

A música desta quinta é "À Sua Maneira", que obteve o 2º lugar no 1º Festival de Música Popular Paraense da RBA, cuja final foi realizada na noite de ontem na Assembleia Paraense (Belém). A cantora Aíla Magalhães foi premiada como Melhor Intérprete do Festival.


Aíla Magalhães canta no Pará Clube,
em 2/7/09 (Foto: Rogério Uchôa)

Durante o mês que antecedeu a final, as rádios da RBA tocavam uma versão de "À Sua Maneira" gravada ao vivo no dia da 2º eliminatória do Festival, em 2 de julho. O que vocês ouvem aqui no blog Som do Norte é um registro de estúdio, feito em maio.


AÍLA MAGALHÃES
"À Sua Maneira"
(Felipe Cordeiro)

Ficha técnica:

Violão - Felipe Cordeiro
Guitarra - Renato Torres
Baixo - Adelbert Carneiro
Bateria - Arthur Kunz

Esta é a segunda vez em menos de um ano que Aíla é premiada como Melhor Intérprete de um festival - a anterior foi no Femupa (Festival de Música do Pará), cuja final ocorreu em 13 de dezembro de 2008, quando cantou "Vamos" (Felipe Cordeiro - Jorge Andrade) (assista na TV Brasileirinho)

2 comentários:

  1. Nossa, és um fera mesmo!
    Fábio, quero te parabenizar pelo belo trabalho que tens feito focalizando os artistas nortistas.E realmente é da maneira que eles tem dito aqui: "Fábio, é brilhante e sabe de nossas vidas atémelhor que a gente mesmo".
    Saiba que já sou sua fã e guardo no peito a vontade de te ver logo por aqui(essa vontade que todos tem).
    Em nome dos outros artistas quero te agradecer pelo carinho e dedicação do teu precioso tempo(na verdade vejo que fazes com muito amor e prazer) que tens dedicado a música nortista,viu!?
    Tinhas que ver a Aíla arrebentando no festival!
    Felipe Cordeiro...Um grande referencial pra mim como instrumentista e pessoa: ele é genial! Suas composições são únicas mesmo,ele vai muito longe!
    Aqui fica um forte abraço para alguém que é muito estimado por nós: VOCÊ!

    YANNA CARDOSO

    ResponderExcluir
  2. Yanna, vocês sabem mesmo como comover um humilde jornalista gaúcho!

    Li várias vezes teu comentário, já, e sigo me emocionando com tuas belas palavras.
    Falaste uma coisa muito verdadeira: há muito de muito amor e prazer, sim, no tempo que dedico a falar do Som do Norte e, por extensão, de vocês, artistas que tocam (literalmente!) essa história pra frente. É uma forma de retribuir o carinho que venho recebendo de vocês ao longo desse ano todo, e que parece ignorar a distância muito mais que amazônica que separa Belém de Porto Alegre.

    Faço votos de que em breve eu possa estar aí, 'vivendo esses momentos lindos' (como diria o Rei...) com vocês.

    Um grande abraço!

    ResponderExcluir